Como Cultivar Romã em Vaso

A árvore de romã é uma planta que produz frutos e os mesmos possuem pequenas sementes vermelhas de polpa comestível.

Curiosidades Sobre a Romãzeira

Essa planta tem sua origem na Grécia e se espalhou por outros países do Oriente Médio. Apesar de não parecer, sua importância é milenar. Na antiguidade os gregos a cultuavam como sendo um símbolo de fertilidade, por isso foi ligada à deusa Afrodite e ainda por ter sinais de que seria afrodisíaco.

O cultivo da Romãzeira é feito em diversos países ao redor do mundo. Em nosso país a romã encontrou um solo fértil para que possa crescer e atingir uma qualidade acima da média. No mundo, o maior produtor da fruta é a Espanha, e, além disso, também se mostra como o maior exportador de toda a Europa.

A Romã e a Saúde

Estudos medicinais comprovam que a fruta auxilia na redução da pressão arterial e ainda pode ser usada na prevenção de determinados problemas cardíacos. O seu uso na medicina natural vem sendo feito desde a Antiguidade.

Muitos usam a cascas da romã para fazer um chá que tem ação contra as infecções de garganta. Além disso, o mesmo chá pode combater as disenterias e diarreias.

Características da Fruta

Há espécies diferentes de romãs, as vermelhas e as amarelas. A que possui a qualidade amarela tem uma grande quantidade de sementes e ainda um mesocarpo pequeno, enquanto que a romã vermelha possui menos sementes e tem uma camada carnosa bem mais evidente. Com isso, é mais comum encontrar em feiras e supermercados as romãs avermelhadas.

Na maior compradora da fruta, a Inglaterra, a fruta é usada por trabalhadores de minas, já que a romã atua na prevenção da contaminação feita por metais pesados. Sendo ainda bastante útil para a medicina, e inclusive na decoração de parques, casas, e jardins.

A romãzeira pode ser um arbusto reto e pode chegar a medir entre de 2 a 5 metros, sendo que o mesmo pode ser muito ramoso. Os ramos mais novos possuem casca avermelhada e vão alterando a coloração chegando ao cinza conforme vão envelhecendo.

As árvores preferem um clima mais ameno, e ainda se adapta muito bem a qualquer tipo de clima. Em lugares com ventos muito fortes, a frutificação pode ser comprometida pela excessiva queda das flores. Já nas regiões com maior umidade, as cascas podem sofrer mais coma incidência de fungos. 

O Cultivo de Romã em Vasos

Como Cultivar:

  • O solo mais apropriado para cultivar a romã deve possuir grande parte de matéria orgânica.
  • Quando a for cultivá-la em vaso, o melhor é fazer uma mistura de terra vegetal, terra de jardim e compostos orgânicos, de acordo com a seguinte proporção: 01 parte de terra vegetal, 01 parte de terra comum própria para jardim, e, depois, 02 partes de um bom composto orgânico.
  • O desenvolvimento da planta pode tanto acontecer por meio de sementes ou através de  estacas de ponta em ambiente de estufa.
  • Geralmente as mudas de romãzeiras são feitas por meio de sementes colhidas de frutos grandes e com a polpa avermelhada.
  • O tronco da árvore produz várias estacas bem próximo á terra que podem ser utilizadas para formar uma nova planta, como estacas individuais.
  • A época correta para se dar inicio ao plantio de romã é no começo da primavera quando é a época de mais chuvas.
  • O tamanho do vaso que será usado para o plantio deve ser adequado, já que a cova para deve medir aproximadamente entre 40 e 60 cm. Por isso, o recipiente tem que ter as dimensões apropriadas ao desenvolvimento total da planta.
  • A adubação efetuada na cova deve ser conseguida por meio de superfosfato simples, esterco de curral, e também farinha de osso. Essa mistura irá servir de adubo para que a planta possa se desenvolver adequadamente.
  • Para que a planta venha a produzir flores é importante que se faça a adubação durante o outono. Mas lembre-se, a mesma não pode ser adubada durante a época das flores. Os adubos colocados durante o outono devem possuir alto teor de fósforo. A mistura de Nitrogênio, Fósforo e Potássio são 04-14-08.
  • O local a ser colocado o vaso deve receber sol por no mínimo 04 horas.
  • Época de plantio: O melhor período é o que compreende o inicio da primavera.
  • A adubação da cova deve ser feita a partir da mistura de farinha de osso, esterco de curral, e superfosfato simples, que proporciona maior fortalecimento à planta, melhorando sua raiz.
  • Ao menos uma vez durante o ano é preciso realizar a adubação através do uso de micronutrientes, como Magnésio, Cálcio, Boro e Enxofre.
  • A produção de frutos de uma romãzeira pode durar até mais de 15 anos, sendo que uma planta pode produzir até mais de 30 frutos.
  • O melhor período para a colheita da romã pode variar conforme o tipo da mesma, sendo realizada desde o fim do verão até o começo do inverno.

A rega, como grande parte das árvores frutíferas, a Romã precisa de um alto índice de água, porém, com a particularidade de não se adaptar a solos molhados demais. Quando for fazer a rega é preciso que o faça com abundância. Porém, é importante saber que a umidade exagerada nas raízes e tronco ajuda no aparecimento de fungos, especialmente aquele conhecido como Pó Branco, que pode levar a planta à morte se não tiver o tratamento mais adequado. Para não passar por problemas com a umidade, é melhor molhar a terra que a planta estiver plantada, somente quando a mesma estiver com a superfície quase seca.

Outra forma de evitar fungos é usar uma parte de areia no solo. Já para auxiliar na floração é aconselhável que o solo esteja mais seco durante a primavera.

As pragas e doenças mais comuns nessa planta, sem mencionar os fungos, por isso é importante moderar as regas, combater os ataques da mosca branca, as cochinilhas ou pulgão que podem ser evitados com inseticida próprio para ser usado em plantas ornamentais.

Tratamento Medicinal

  • Indicações: Infecções da pele, olhos e boca, cólicas intestinais, amigdalites, doenças cardíacas e envelhecimento.
  • Propriedades: anti-inflamatório, Antisséptico, antioxidante, diurético e adstringente.
  • Partes da planta que pode ser usadas: Raízes, frutos, casca e folhas.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Flores · Naturais

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • Quantos anos, demora, para um pé de romã, PLANTADO DE UMA SEMENTE, botar frutos?Por favor, responda para ( tiburtinolacerda@yahoo.com.br )

    Tiburtino Lacerda 18 de setembro de 2016 14:48 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *