Curiosidades Sobre a Margarida

Quem gosta de flores, sabe que as margaridas são sempre bem vindas em qualquer arranjo ou jardim, além de ser muito bonita ela tem muito apelo sentimental, afinal, qual mulher não gosta de receber flores? Ainda mais sendo as margaridas, tão lindas e singelas.

A Margarida e suas Características Principais

Como já foi dito a Margarida é uma flor muito popular. Ela é muito bonita por isso é bastante usada na decoração de casas e nos jardins. A margarida recebe vários outros nomes, e por isso pode ser conhecida também como crisântemo, bem – me – quer, mal – me – quer e outros nomes. Esta flor é uma planta bucólica, simples e de cultivo simples, assim se afirma porque com ela não se precisa de atenção especial para seu desenvolvimento. As margaridas podem ser cultivadas em vários tipos de solos, menos nos solos muito úmidos, pois são difíceis das sementes germinarem. As flores se desenvolvem duas vezes no ano (no verão e no outono), eles podem atingir de 60 cm a um metro de altura. As margaridas são flores da linhagem das Asteraceaes, é uma planta perene, herbácea. Elas têm caules dividido (ramificado), longos de cor verde que pode variar do verde médio ao  glabro.

As Curiosidades da Margarida

No mundo inteiro temos mais de 20 mil variedades de margaridas, como as Margaridas Céu-estrelado, a Olga, Margarida de Paris, elas podem diferenciar no tamanho e na cor. As margaridas de pétalas brancas e com miolo amarelo são as mais comuns. As margaridas são pequenas árvores onde as folhas são da cor verde médio ao acinzentado e as vezes levemente prateado, suas folhas são alternadas, dentadas, semi-caducas, sésseis, suas flores são bissexuais e seus frutos são um aquênio. A margarida é delicada e propensa a ser contaminada por várias pragas ou por doenças  como : as aranhiços, a ferrugem, nematodos, mosca branca, tripés, os afídeos e outras.

Por que Escolher a Margarida?

Por mais simples que seja, a beleza da margarida é encantadora e por isso torna-a uma ótima escolha para um presente, pois ela significa pureza, lealdade, inocência, confiança, a virgindade e a criatividade. Lembrando que podemos usá-las para decoração, mas também é muito usada para fins medicinais (as folhas e as flores). Podemos secar flores e folhas das margaridas para usá-las como chá, indicado para a inflamações dos brônquios. Ele também é diurético, antipasmódico, adstringente, além de ser muito usado para úlceras, para cólicas, problemas digestivos e na bexiga tem o mesmo efeito da camomila. Podemos semear a margarida entre abril e junho de preferência no local definitivo ( jardim, vasos), quando plantada em estufa podemos semear de março a maio e podemos transplantá-las entre maio e junho, elas crescem muito rápido, assim teremos as primeiras (flores) margaridas entre junho e setembro.

Algumas Curiosidades:

  • Ela é conhecida como a flor que decide o destino de um amor ( bem me quer, mal me quer);
  • Ela não é uma só flor, é a reunião de muitas flores. A união das pequenas flores formam o miolo da margarida;
  • As margaridas são parentes dos girassóis e dos crisântemos;
  • Na época vitoriana o nome margarida era designado as moças meigas, simples;
  • As margaridas sobrevivem em lugares inesperados, se adapta a diversos solos;
  • Elas eram usadas em porções mágicas, principalmente em rituais de cura pelos povos anglo-saxônicos;
  • Também é muito utilizada na aroma terapia e em terapias alternativas;
  • A margarida é muito utilizada na decoração de ambientes hospitalares e bibliotecas por causa da sua beleza e da sua propriedade calmante;
  • Também é utilizada na gastronomia;
  • Sua multiplicação pode ser feitas por semente ou por divisão de touceiras;
  • As margaridas são flores que desabrocham ao amanhecer, por isso deram-lhe o nome de olhos do dia;
  • Para os gregos margarida significa pérola;
  • As margaridas são flores delicadas assim devemos manusea-las com mãos leves;
  • Em alguns países usam a margarida em saladas e na decoração de pratos; 
  • O nome da flor vem do latim margarita que significa pérola;
  • Antigamente era considerada a flor da donzela;
  • Até hoje ela simboliza a virgindade, a juventude, a sensibilidade, o amor inocente;
  • Ela também representa pureza, bondade, a paz e o afeto;
  • Ela combina com outras flores, por isso encontramos facilmente nos arranjos florais;
  • A margarida pode ser utilizada para combater problemas respiratórios e auxiliar na cicatrização de feridas;
  • A margarida está associada as celebrações da primavera e do verão, por isso enfeitar a casa com margaridas traz felicidade para o lar;
  • A margarida serve para tratar febre, gota, equimose, problemas intestinais, nervosismo, dor nas articulações, e outros;
  • A margarida amarela é antibacteriana, antifúngica e também tônica, ela é indicada para tratar fungos e também bactérias;
  • A margarida em inglês tem o nome de Daisy (olho do dia);
  • Nas antigas civilizações acreditava-se que os remédios a base da flor margarida poderia curar as enfermidades dos olhos;
  • Na Inglaterra a margarida era utilizada como medicamento, mas só fazia efeito quando pronunciava algumas palavras mágicas e também se o remédio fosse feito com água benta (abençoada);
  • Já os assírios acreditava que os cabelos brancos poderiam voltar a cor natural com uma loção feita com margaridas esmagadas;
  • No século XIII usavam a margarida para tratar a febre, a gota e para limpar os ferimentos;

Veja Algumas Espécies de Margaridas

  • Margarida Amarela;
  • Margarida Silvestre;
  • Margarida de Árvore;
  • Margarida do Campo;
  • Margarida Funcionária;
  • Margarida do Transval;
  • Margarida Menor;
  • Margaridinha Amarela;
  • Margaridão;
  • Margarida Rasteira e Várias Margaridinhas.

Existem Varias Lendas Relacionadas com as Margaridas, Que Tal Vermos Algumas Delas? Veja:

  • Uma criança pequena fez um pedido ao céu no meio da noite, ela pediu as estrelas que se converte-se em flores para que ela pudesse brincar com elas, quando a menina acordou percebeu muitas margaridas prateadas no seu jardim. Porém o sol perguntou se a margarida estava feliz e se tinha algum desejo, ela respondeu que estava feliz, mas pediu para florescer em todas as estações para deixar as crianças felizes e alegres, assim o sol com seus raios tocou a margarida e deixou bem no seu meio um círculo amarelo;
  • Outra lenda nos conta que um cavaleiro na Idade Média gravou no seu escudo uma margarida para homenagear a sua esposa (Margarida);
  • Outra lenda nos fala de uma donzela que por muito foi perseguida por um homem bem mais velho que ela, por isso ela pediu socorro a natureza e foi transformada em uma margarida.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre as margaridas, que tal espalhá-las pela sua casa e deixar tudo ao seu redor mais bonito?!

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Naturais

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • Por favor eu gostaria de saber o nome das margaridas de pétalas duplas
    de varias cores. e onde encontrara sementes?

    obrigada.

    Irineia Gonbçalves 23 de março de 2014 13:57 Responder
    • ela e bonita elinda eu gosto

      addriel 16 de setembro de 2014 16:50 Responder
      • Eu adorei esse site, tirou todas as minhas dúvidas. Estão de parabéns! É raro encontrar um site com tantas informações completas.

        obrigado.

        Lucas Borges 16 de abril de 2015 20:27 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *