Flor Dalia Amarela

A flor dália pertence a uma planta cujo gênero é o das Dahlia. Popularmente ela é conhecida apenas como dália ou até mesmo como pompom, devido ao aspecto das suas pétalas. Elas, no geral, apresentam um porte entre pequeno e médio, uma vez que podem chegar a medir apenas dez centímetros a até um metro de altura. Dentro da botânica, as dálias se encontram dentro da família das Compositae, que tem como uma de suas características, apresentar flores perenes, isso é, que sempre se encontram presentes nas plantas.

A origem da dália é mexicana e é uma das flores mais populares nesse país, apresentando, portanto, um grande significado cultural, o que também acaba sendo expresso por suas variadas cores. A beleza da dália se dá justamente em suas flores, uma vez que elas têm como característica marcante a sua duplicidade, além de poderem ser encontradas em diversos tons de cores. A floração geralmente ocorre no início do verão, predominando até o fim do outono e início do inverno, uma vez que essa planta tem uma maior afinidade com a temperatura quente do clima, além de uma maior umidade do que ocorre no inverno brasileiro.

Por ela ser uma flor fragrante, isto é, que apresenta um odor característico agradável, ela requer cuidados específicos para que ela seja cultivada de uma maneira que dê para o cultivador resultados satisfatórios em seu cultivo. Um desses cuidados fundamentais para o desenvolvimento e crescimento da dália é a luz solar e, para que a incidência ocorra de uma maneira eficiente, o vento deve ser barrado por algo, isto é, as dálias, no geral, devem ser protegidas dos ventos. Outro fator de suma importância é o caráter do solo, que deve ser bastante nutrido e com um regime de irrigação bastante marcado, para que fique úmido da maneira adequada, conforme já citado anteriormente. Isso porque caso o solo tenha muita umidade e pouca incidência do sol ou uma incidência menor do que a preconizada, corre-se o risco de a planta acabar criando fungos e outros microrganismos que são favorecidos com essas condições ambientais. Exemplos disso são o fungo fusarium e o oídio. Além disso, deve-se tomar bastante cautela com as pragas, cujos maiores exemplos são os pulgões, que se alimentam da seiva da planta, o chamado mosquito verde e a aranha vermelha.


Com relação ao seu significado cultural, as dálias são plantas chamadas inclusive de “rainha do jardim de outono”, em alguns lugares do mundo. Outra simbologia importante das dálias é o fato de essa flor se encontrar dentro do emblema e de brasões oficiais de cidades e até mesmo de países, como São Francisco, que é uma cidade dos EUA e o México, que é o país em que essa flor é uma das mais populares, conforme já comentado nesse texto. No entanto, de uma maneira geral, as dálias podem ser consideradas flores de bom gosto e que simbolizam união e outras relações interpessoais, como a questão do comprometimento e até mesmo da fidelidade. Sendo assim, ela pode significar tanto um amor quanto uma instabilidade perante a uma outra pessoa.

No caso da dália amarela, ela tem como significado principal a questão da reciprocidade, isto é, a demonstração de que uma pessoa sente o mesmo que a outra sente por ela e vice-versa. Dentro disso, no entanto, cabem apenas sentimentos bons, como um amor correspondido ou até mesmo uma amizade que está a cada vez mais se fortificando e crescendo, por exemplo.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Naturais

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *