Prateadinha – Chamaeranthemum Venosum

O nome científico é bem complicadinho tanto de escrever e nem é preciso comentar, o quanto é de falar, chamaeranthemum venosum, mas um dos nomes populares é bem mais simples e simpático, prateadinha, assim como é essa planta. Essa é mais uma daquelas espécies que dá para plantar em vasos e deixar dentro de casa, uma excelente escolha para quem mora em apartamento e está em busca de flores e plantas para decoração.

Voltamos aos nomes não complicados da prateadinha, pode ser que você já tenha ouvido falar, mas usando uma outra nomenclatura, como carijó ou folhagem de espinha de peixe. É sempre a mesma planta, que pertence a família da acanthaceae. Já que falamos da ficha técnica dessa espécie de planta, saiba que ela é classificada como forrações à meia sombra ou simplesmente folhagens.

A prateadinha gosta de três tipos de climas, são eles: tropical subtropical e equatorial e falando da sua origem, além de ser originário do nosso país, também é de outros países da América do Sul.

Com o ciclo perene, a prateadinha é uma boa escolha para decoração interna porque gosta de meia sombra ou luz difusa e falando de tamanho, não ultrapassa a altura de 15 centímetros. Costuma ficar em torno de 0.1 a 0.3 metros.

Conheça Mais Sobre a Prateadinha e Como Ela Pode Deixar a Decoração Interna Mais Bonita

O motivo de falarmos da prateadinha é justo esse de mostrar o quanto ela pode combinar com a sua decoração interna. Sendo uma herbácea perene, com uma folhagem para lá de bonita e especial, ela é uma planta perfeita para decoração e um outro fator que convence os paisagistas dessa vocação da prateadinha é porque ela  se apresenta com um aspecto compacto.

As folhas da prateadinha não possuem nenhum detalhe especial, na verdade, são pequenas, o formato é aquele classificado como elíptico ovalado. O que faz dessa planta e da sua folhagem ser tão bonita e especial é o mix de cores, e o contraste que elas formam. A cor do fundo é bem diferente daquela das folhas, que são verde-escuro, mas as nervuras são prateadas, daí o nome prateadinha.

Quando as flores aparecem, assim como as folhas, são pequenas e bem discretas, mas possuem uma delicadeza que as fazem elegantes e charmosas. As flores, que podem ser arroxeadas ou brancas, surgem nas inflorescências eretas. Normalmente, a floração acontece durante o verão, mas não fazem tanta diferença em relação ao objetivo ornamental de usar uma prateadinha. A beleza principal está nas folhas e não nas flores.

Sobre o Cultivo da Prateadinha: Como e o que Fazer

Você já sabe que a prateadinha pode ser a planta perfeita para incrementar a sua decoração interna, então, ela pode ser perfeitamente ser cultivada em jardineiras ou vasos comuns. Você pode ainda optar por plantá-las em composições, isto é, em grupos com outras plantas (que também possam ficar dentro de casa) ou formando grupo somente de várias prateadinhas juntas.

Para quem gostaria de plantá-la fora de casa, é possível sim, com tanto que seja à meia sombra, como forração elas ficam bem em canteiros, coloque-as em um substrato que fique sempre úmido.

A prateadinha é realmente perfeita para decoração, é delicada na textura e o colorido bem diferente faz um efeito perfeito, principalmente, quando plantada com outras flores e plantas. Pode ser a folhagem que faltava para valorizar o seu projeto paisagístico.

Um outro detalhe, que para quem não tem muito tempo para cuidar de plantas vale ressaltar sobre a prateadinha, é que ela exige pouquíssima manutenção. É uma folhagem considerada rústica e que se propaga com grande facilidade, chegando a ser considerada, em alguns casos, uma planta “invasora”.

O que é necessário para que ela cresça e se desenvolva bem é que seja planta em solo, terra fértil, de preferência que seja enriquecida com matéria orgânica e a irrigação deve ser regularmente. O cultivo deve ser feito sob meia sombra, assim como a planta deve ser mantida na mesma situação, nunca coloque-a para “tomar sol”, ela não gosta dos raios solares direto. Na verdade, a prateadinha gosta mesmo o clima ameno e não suporta geadas.

Se você plantá-la no jardim ou no quintal de casa, mantenha as crianças afastadas elas, pois a prateadinha não suporta “pisoteio”. Uma vez que alguém pisa nela, a planta morrerá logo em seguida.

Para multiplicá-la você pode usar a divisão de mudas (será formada perto da planta mãe) ou simplesmente plantar as sementes.

Veja Quais as Ferramentas Você Precisa Para Montar o seu Kit de Jardinagem

Se você está querendo fazer um belo jardim no seu quintal vai precisar de equipamento. Veja o que não pode faltar na sua lista de kit jardinagem!

  • Uma pá para transplantar, que poe ser larga ou estreita, escolha aquela que você considerar mais fácil de manusear. Ela serve para transplantar, isto é, retirar uma planta de um lugar e colocar no outro e também na hora de cavar o buraco para semear.
  • O plantador cônico de bolbos é ótimo para fazer o buraco correto para plantar as sementes ou as mudas.
  • O enxertador deve ser estreito e comprido e te ajudará na hora de tirar a planta de um lugar para colocar em outro, porque com ele, dá para retirar uma parte da haste da planta. Também ajuda na hora de enxertar a terra.
  • A forquilha serve para retirar as raízes e também dividir as plantas que cresceram em excesso. Outro utilizo é na colheita de vegetais com raízes.
  • O sacho serve para afastar as ervas que fazem mal a sua plantação desterrar o solo, além de ajudar na hora de limpar as flores e plantas.
  • O escarificador é para ser utilizado na hora de fazer bordas nas floreiras.
  • As tesouras de podar não podem faltar nunca, principalmente para retirar as partes mortas das plantas, as flores e folhas secas, etc.
  • Coloque também na lista as tesouras corta relva e o arame plastificado, quando for necessário prender alguma coisa, como galhos ou folhas.
  • O regador e o pulverizador não podem faltar, lembrando que o segundo serve para molhar as plantas que não podem ser banhadas na raiz e sim, somente nas folhas.
  • A mangueira para grandes terrenos, o saco de jardim para facilitar a limpeza e as luvas, para não estragar as unhas.
  • E mais o carrinho de mão e as joelheiras, são práticas para quando você precisa ficar com os joelhos encostados no chão,para cuidar das plantas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>