Dicas de Como Cuidar de Vários Tipos de Plantas

É bem comum usarmos plantas e flores para decorarmos a nossa casa, pois estas trazem toda a leveza e harmonia que podemos encontrar na natureza. Existem plantas para todos os gostos e tipos de decoração e utilizar esse tipo de recurso para deixar a sua casa mais bonita é uma ótima saída.

Podemos usá-las em uniformidade ou variando de acordo com todos os vãos ou até mesmo começando um lindo jardim. Não existe limite quando o assunto são plantas para decorar, desde que essas sejam muito bem cuidadas e entrem em harmonia com sua casa.

Confira As Dicas

Confira As Dicas

Cada planta e cada flor vai exigir um cuidado especial além dos mais comuns que são regar e adubar. Saber diferenciar essas necessidades das suas plantinhas é importante, pois você dará exatamente o que ela precisa para florescer e crescer bonita. Mesmo muitas pessoas não percebendo essa necessidade, é importante diferenciar até mesmo o adubo o qual usamos para deixá-las mais fortalecidas.

Pensando exatamente nessa necessidade que as plantas têm e na falta de atenção, mesmo não sendo proposital, que as pessoas têm que resolvemos escolher algumas plantas e flores populares para ajudá-lo com dicas de como plantar e cuidar cada uma delas sem errar em nada. Assim você terá aquele jardim bonito, florido e com plantas devidamente plantadas.

As plantas que escolhemos aqui foram de acordo com pesquisas entre as mais procuradas em floriculturas e lojas de decoração. Elas não estão dispostas em ordem de venda ou qualquer outro tipo de ranking classificatório, foram escolhidas aleatoriamente.

Imagem de Amostra do You Tube

Girassol

Essa flor pertence a família das Asteraceae originária da América do Norte e propagou-se devido as imensas plantações indígenas que ultrapassaram as fronteiras de tal continente. São plantas que adoram a luz do sol e consequentemente apresenta resistência a exposição direta em climas mais elevados.

Para se ter  lindos girassóis em casa, você precisa de um local onde possa fazer brotar as sementes da planta e que esteja muito bem aterrado e com areia bem úmida. Essa flor precisa ser pulverizada diariamente e sua terra umidificada, nunca a deixe secar, pois elas morrem com facilidade. Apesar de gostar do calor do sol, se quiser plantá-la em locais fechados, o girassol se adapta facilmente. 

Hortência

A Hydrangea Macrophylla, nome técnico da Hortência, é originaria da parte oriente do nosso planeta mais precisamente China e Japão. Elas devem ser plantadas ao sol e com terra bem fértil e de preferência rica em materiais orgânicos, sendo os adubos do tipo animal de curral os que fazem florescer melhor a Hortência. 

Chamaedórea Metálica

Popularmente conhecida como palmeira metálica, essa planta da família das Arecaceae e de origem da América Central, são ótimas para serem cultivadas dentro de locais pequenos. Elas podem fazer florescer alguns poucos frutos avermelhados e não comestíveis. Essa planta é chamada assim porque suas folhas tem uma cor verde azulada com um aspecto um pouco metálico.

Para cultivar a palmeira metálica, você precisa de sombra e pode plantá-la em canteiros ou vasos em solo bem fértil e drenado. Como as raízes dessa planta são bem largas, evite plantá-la em vasos pequenos e estreitos, mesmo que elas não cresçam bastante.

Saiba Mais

Saiba Mais

Violeta

Essa é a flor mais popular aqui no Brasil por serem fáceis de cuidar e florescerem com facilidade em qualquer tipo de ambiente. Você poderá plantar suas mudas de violeta em canteiros, lindos vasos ou até mesmo aqueles vasinhos que encontramos em supermercados para enfeite. Como as violetas são bem delicadas, os melhores vasos para esse tipo de flor são os de barro por absorverem melhor o excesso de umidade que pode causar o apodrecimento das raízes.

Quando for regar essa flor, você não deve molhar as flores e sim apenas as raízes. Flores molhadas correm o risco de apodrecerem e sua planta morrer. Regar essa planta uma vez por mês é o suficiente para mantê-las vivas e de preferência ferva a água que vai regar suas folhas para eliminar os resíduos de cloro ou então utilize água mineral. 

Palmeira Anã

Também chamada de Palmeira de Leque, a Chamaerops humilis nome técnico dessa planta da família das Aracaceae com origem do sul da Europa. É uma planta muito solicita entre paisagistas por serem de fácil adaptação e cuidado. Ela abre-se como um leque de no máximo 80 centímetros e raramente atinge altura maior que 1 metro, o que facilita sua locomoção e plantação em vasos ou canteiros.

É uma planta que adora claridade, tanto que a maioria é plantada em jardins abertos por conseguirem florescer mais rápido. Essa planta consegue adaptar-se em pequenos vasos, pois sua raiz não é extensa e se você quiser, pode deixá-la dentro de casa, contanto que periodicamente a coloque em exposição direta ao sol. Para regar, 3 vezes na semana é  o suficiente para manter sua planta bonita e viva.

Imagem de Amostra do You Tube

Rosa de Pedra

A Echeveria Elegans Rose é o nome técnico dessa planta herbácea da família das Crassulaceae e de origem mexicana. O cultivo dessa planta não é difícil, mas requer um pouco mais de atenção principalmente na questão de se regar a planta. Como ela retém muita água, quando forem plantadas em vaso, só as regue quando sentir o substrato bem seco, se sua plantação for em canteiros, só regue se houver uma estiagem muito longa. 

Palmeira Leque

Essa é uma das espécies de palmeiras mais populares e conhecidas. A Licuala Grandis, nome técnico dessa planta, pertence a família das Arecaceae e tem sua origem nas Ilha Nova Britânia. Ela é assim chamada devido o formato das suas folhas que mais parecem um imenso leque aberto, o seu tronco é bem reto e alguns apresentam pequenos espinhos nas extremidades.

É uma planta muito delicada que não se adapta muito bem em locais com muito vento, mas adora claridade, assim ela se desenvolver com mais facilidade. Você pode plantá-la em vasos e cultivá-la dentro de casa que irá florescer perfeitamente, de preferência deixe-a próximo a uma janela onde a planta possa receber a claridade do sol pela manhã. Ela também não precisa ser regada todos os dias, bastando apenas duas vezes por semana para manter a sua palmeira bonita. 

Posts Relacionados

Vejas dicas de plantas para casa de praia e saiba quais espécies combinam para montar um jardim tropical e que tem tudo a ver com o litoral. O paisagismo na praia é muito apreciado, pois busca elementos que compõem o ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>