Cultivo de Açafrão

O açafrão é usado na maioria das vezes na cozinha como o toque final. A planta cujo nome científico é crócus sativus tem como objetivo do seu cultivo, a retirada da parte da flor, onde fica o pólen, cujo o nome correto é estigma. Os estigmas são retirados, secos e moídos para venda e classificados como especiarias. Entre a culinária famosa mundial, o açafrão é parte fundamental em pratos como bouillabaisse francesa e paella espanhola.

O açafrão ele dá aroma e cor aos pratos e também pode fazer parte de outros alimentos com esses objetivos, como em manteigas, bebidas, queijos e molhos.

Características do Açafrão

As folhas e flores do açafrão ficam bem no cormo subterrâneo e sua altura pode ficar entre 15 a 30 centímetros. Em média, por ano, cada uma planta produz de uma até no máximo 5 flores, que podem ser brancas, rosas, vermelhas ou violetas.

Vale ressaltar que quando vendido como especiaria, em muitos casos, não é o verdadeiro açafrão, que é muito imitado. Pelo preço inferior e pelo sabor menos forte e sendo menos aromático dá para perceber a diferença.

O açafrão de verdade “tinge” qualquer alimento de amarelo com grande facilidade. Existe ainda o uso da especiaria em perfumarias e para fins medicinais.

Sobre o Cultivo do Açafrão

Todo mundo sabe que o clima correto é fundamental para que uma planta se desenvolva como deve ser, o mesmo serve para o açafrão. Apesar de ser um amante do clima subtropical, a especiaria consegue sobreviver quando é cultivada em um lugar mais frio, desde que em pelo menos 6 meses do ano, o clima seja mais quentinho.

O ideal mesmo para o açafrão é ser cultivado em um lugar cujo o verão é seco e quente e a primavera é chuvosa. A chuva ou a irrigação devem vir antes da chegada das flores, que acontece no outono. Porém, para que tudo corra bem ele não pode sofrer com geadas e nem chuvas fortes. Isso pode acabar com toda a colheita.

Já lugares cujo o clima além de úmido é quente, não são apropriados para o plantio do açafrão. Sobre a luminosidade, o açafrão prefere ter a luz direta do sol todos os dias por algumas horas. O ideal mesmo seriam 11 horas de sol todos os dias para ter as flores surgindo no outono, mas se contenta com um pouco menos.

No caso do solo, para o cultivo é importante que ele tenha boa drenagem e seja leve, rico em material orgânico e fértil a nível moderado. Considere que o pH do solo deve ser entre 5,5 e 7,5.

Sobre a irrigação, durante a primavera é muito importante que o solo esteja sempre úmido, enquanto no verão, a plantação precisa de menos água, o mínimo deve ser garantido. A irrigação volta com mais frequência somente no outono e quando as flores começarem a aparecer, deve ser suspensa de novo.

Detalhes Importantes Sobre o Cultivo

O plantio do açafrão só pode se feito com cormos jovens, pois a planta não produz sementes. A vantagem é que esses cormos são produzidos o ano inteiro.

É necessário fazer a colheita desses cormos com atenção e depois, para o plantio, basta que se criem valas para jogá-los dentro. A terra que cobrirá os cormos dentro dessas valas devem fazer uma cobertura que vai de 10 a 15 centímetros.

Ou detalhe importante é em relação ao espaço entre as linhas de plantio que devem ser de 15 mínimo e no máximo 20 centímetros. Caso se trate de um cultivo muito grande, para que os trabalhadores possam circular entre a plantação sem danificá-la, o ideal é aumentar esse espaço para 50 centímetros.

Já o espaço entre cada uma das plantas pode variar entre 5 a 10 centímetros. A boa notícia é que você pode plantar o açafrão em jardineiras ou vasos. Quem não tem quintal, pode ter esse pequeno cultivo em casa, mas sabendo que para ter açafrão suficiente, o plantio deve ser de no mínimo 6 plantas. O que garante uma receita de tamanho médio.

Cuidados Com o Cultivo do Açafrão

  • Regularmente é necessário que você faça uma “limpeza” no seu cultivo de açafrão retirando todas as plantas invasoras. Quando não tiradas, elas roubam nutrientes e recursos da sua planta.
  • A plantação deve passar por um período de renovação, o ideal que seja a cada 3 ou 5 anos. Faça isso mesmo sabendo que se trata de uma planta que consegue viver até mais de uma década.
  • A renovação da plantação de açafrão se faz você retirando os cormos que estão prontos e levando-os para cultivar em outro lugar.
  • Em lugares cujo o inverno é caracterizado por temperaturas muito baixas, a renovação deve ser feita a cada ano. Porém, isso acaba reduzindo a produtividade do açafrão.
  • No primeiro ano é normal que cada uma das plantas cultivadas produza uma única flor. A colheita só melhora no segundo ou no terceiro ano.

Sobre a Colheita do Açafrão

As flores da planta aparecem, em geral, no outono, quando elas estão abertas devem ser colhidas logo, de preferência em um momento do dia mais fresco, início da manhã, final de tarde. No mesmo dia da colheita, todos os estigmas devem estar separados e prontos para irem secar ao sol. Bastam poucos minutos para que eles estejam completamente secos.

A segunda parte do processo é usar uma peneira metálica sobre as chamas do foto, fazendo com que a temperatura de onde estão os estigmas chegue a 70 graus em apenas 6 minutos. Não se trata de um processo simples, precisa ter experiência para executá-lo.

Porém, vale ressaltar o quanto é importante que o açafrão receba a temperatura correta durante o momento que está sendo seco. Temperaturas altas ou baixas demais interferem na sua qualidade.

Quando o açafrão passou do processo e está seco por completo, deve ser colocado em potes opacos e fechado. Para se ter uma ideia, para chegar a um quilo do produto são necessárias entre 100 mil e 200 mil flores. Um detalhe importante sobre o consumo, que pouca gente sabe é que em excesso, o açafrão pode ser tóxico.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Dicas

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *