Os Nematoides Nas Plantas

Cultivar plantas se torna algo muito divertido para quem realmente ama as plantas! Por isso, respeitar os seus cuidados básicos e essenciais não é mais uma opção e sim uma obrigação de cada jardineiro. Um exemplo disto são as pragas que costumam atacar imensas ou pequenos plantios e que podem dar muita dor de cabeça no futuro. A maioria das doenças que fazem várias espécies sobreviverem bem pouco são os conhecidos nematóides. Se você não os conhece, leia este artigo até o final e descubra como elimina-los de uma vez!

Informações Científicas

Você já deve saber que o nematóides são espécies que atacam as plantas e possuem informações científicas relevantes, já que são muito estudados por biólogos e outros especialistas. Os nematóides podem ter diversoso nomes cinetíficos. São eles: Meloidogyne sp, Pratylenchus sp, Radopholus similis e Aphelenchoides sp. Assim como os títulos dados por pesquisadores, estes animais ainda possuem nomes populares, que podem ser os seguintes: Nematóide e Nematóide-das-galhas, englobando as variantes que existem dessas espécies.

Por existirem em grande quantidades na natureza, os mesmo são divididos em alguns grupos como ordens, conhecidas como: Dorylaimoidea, Heterodera, Meloidogyne e Rhabditoidea. Estão incluídos no reino Animalia, na classe Secernentea e no Filo Nematoda.

Para subdividir estes seres em relação ao ataque às plantas, os mesmo podem atingir diversas partes das mesma, dependendo da sua variação ou função. A maioria atinge os caules, raízes e folhas, porém alguns deles também podem afetar tubérculos, flores e bulbos.

Por causa dos ataques, eles podem causar diversos sintomas nas espécies, passíveis de serem reconhecidos a olho nu. Além disso, é possível observar quando a planta foi atingida por uma dessas pragas, identificando as formas de evitar certas doenças. Na maioria das vezes, aparecem tubérculos mal formados e o tamanho do órgão afetado pode diminuir. Além disso, ocorre necrose de folhas, caules, raizes e flores, incluindo os bulbos que podem ser bem prejudicados.

Quem São Os Nematóides

Os nematóides são seres vivos muito minúsculos conhecido muitas vezes como vermes. Eles podem atingir os seres humanos, como acontece com as famosas lombrigas, mas são mais comuns em plantas. Alguns desses seres, que vivem em diversos ecossistemas, podem apenas se alimentar de plantas, possuindo vida livre. Estes são conhecidos como saprófitas. Porém, existem outras variações de nematóides que parasitam as plantas, levando muitas delas a morte. Slém disso, podem acabar se alimentando de restos de animais também, incluindo plantas já mortas.

Nematóides Que Atingem Plantas

Estas espécies que parasitam as plantas são muito importantes para diversas culturas de espécies, já que podem estragar uma plantação inteira em questão de pouco tempo. Por isso, é sempre bom estar atento aos parasitas. Estes, por si só, são muito encontrados já no solo ou então nas raizes das plantas, onde podem começar o seu “trabalhinho sujo”. Nos estados brasileiros, estes seres parasitas podem atingir especialmente plantações de soja, criando um enorme prejuízo industrial para o país.

Além de causar danos a plantações importantes, os nematórides são os grandes responsáveis pela morte de diversas culturas de plantas ornamentais, seja em uma produção de larga escala ou relacionada a uma produção doméstica, em plantações em pequenos jardins. Estudos comprovam que o ataque é bastante preocupante: cerca de 40% das helicônias, espécies ornamentais, e 80% das musáceas, também usadas em paisagismo, estavam infectadas por nematóides, incluindo as grandes culturas feitas por todo o Brasil.

Danos Causados

Quando os nematóides atacam plantas ou espécies, milhares de danos podem vir a tona. O principal deles é o prejuízo no desenvolvimento das plantas que param de crescer, além de atacar alguns órgãos das mesmas em específico, deixando as plantas mais fracas com anomalias em várias partes da sua estrutura. Folhas e flores que estão nascendo costuma ter a coloração natural desbotada, ou seja, uma boa forma para identificar se a sua espécie está ou não sendo atacada por vermes. Além disso, podem ocorrer má formação de raízes, caules, bulbos e outras estruturas importantes de cada espécie. Sendo assim, os nematóides ainda podem causar a desqualificação de um alime to ou uma planta para oseu uso comercial, gerando muitos prejuízos em empresas e grandes negócios agropecuários.

Nematóides De Plantas

Os nematóides que costumam atacar as plantas, em sua maioria, são três. Eles são os mais perigosos para grandes plantações e cultivo de espécies ornamentais, sendo os mais comuns no Brasil, por exemplo. São eles:

  • Meloidogyne sp
  • Pratylenchus sp
  • Radopholus similis
  • Aphelenchoides sp

Todos eles costumam causar grandes danos, não só estruturais, mas também econômicos, ainda mais para quem trabalha e vive de soja e flores ornamentais, por exemplo, que são as espécies mais atacadas pelos vilõezinhos.

Como Os Parasitas Se Comportam

Os nematóides que atacam plantas não possuem grande mobilidade e este é um dos motivos para eles viverem parasitando espécies de plantas. Durante todo o seu ciclo de vida, eles se movimentam poucos metros, ainda que muitas espécies de vermes possuam vida livre. Porém, existem fenomenos ou acontecimentos naturais que fazem os nematóides se espalharem por toda uma extensão. Os maiores casos podem acontecer por causa das seguintes ações naturais:

  1. erosão de solos por causa de chuvas
  2. comercialização de substrato ou vegetais já contaminados com os vermes em si
  3. descarte de substratos onde exista a presença de tais parasitas

Controle

Existem formas diversas de controle as estas espécies e o principal deles é o preventivo. A aquisição de plantas não contaminadas, uso de substrato sadio, destruição de restos de plantas no geral, incluindo o bom estudo de cada espécie a ser plantada podem ser medidas eficazes no combate a tais pragas. Algumas espécies podem possuir substancias que atraem os nematóides, por exemplo, sendo que estas podem possuir uma maior ocorrência e serem cada vez mais atingidas. Tome um cuidado especial com a aquisição de plantas e esteja sempre atento ao seu desenvolvimento. No primeiro sinal de ataque desses vermes, é preciso buscar uma outra forma mais radical para elimina-los de uma vez, antes que ataquem todo o resto da plantação.

Escrito por Jéssica Monteiro da Silva

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Informações

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *