Como Cuidar de Folhagens

As folhagens são uma excelente opção para quem mora em apartamento ou até mesmo casa, mas que não tem como contar com a luz do sol, que acaba sendo pouca.

Elas não decepcionam no quesito beleza, pelo contrário, deixam os ambientes charmosos e garantem o contato com a natureza que precisamos dentro de casa. Porém, os cuidados que devemos ter com as folhagens não é o mesmo que devemos dispensar as outras plantas. Elas também precisam de atenção para que fiquem bonitas e saudáveis e um dos pontos principais é que sejam colocadas em lugares adequados.

Veja o que recomendam os paisagistas para quem precisa cuidar de folhagens em casa!

1- Vamos começar falando sobre a rega, parte importante para que qualquer planta sobreviva bonita e forte. No caso das folhagens, os paisagistas explicam, que ela precisa ser molhada com frequência, pelo menos 3 vezes por semana. A terra das folhagens não pode ficar seca de jeito nenhum. O máximo que a planta aguenta com o solo seco é 3 dias.

Porém, apesar de precisar de água, elas também, como qualquer outra planta, não podem ficar encharcadas. Por isso, na hora de molhar a recomendação é bom senso. O substrato precisa ficar úmido, mas não molhado, fique atento a essa diferença.

Outra dica dos paisagistas sobre a rega para saber se está sendo feita da maneira correta ou não é observar as folhagens e também fazer o teste colocando o dedo no substrato. Dá para saber se ele está seco, úmido ou encharcado, antes de molhar novamente.

Um sinal de que você exagerou na água é quando a haste da planta começa a ficar mole ou amarelada. Isso significa que a raiz já está apodrecendo.

2- A poda é outra parte importante das folhagens que é necessário ficar de olho. Segundo os paisagistas é melhor trocar a poda pela retirada das folhas que ficarem secas ou amareladas. E ficar atento com algumas plantas, como por exemplo, as rendas portuguesas, as samambaias ou as avencas. De todas as folhagens essas são aquelas que precisam de mais atenção do que as outras.

Todas as espécies citadas gostam de meia-sombra ou sombra e normalmente, crescem fixas em cascas de árvores ou precisam de outros substratos, lugares que conservam a umidade, mas que ao mesmo tempo garantam uma boa drenagem.

3- Sobre o ambiente ideal para quem quer aprender a cuidar de folhagens, ele precisa ser muito bem iluminado, porém, jamais com luz direta do sol sobre as plantas.

4- Os primeiros cuidados que devem ser observados com esse tipo de planta, as folhagens, é o tipo de vaso em que elas serão cultivadas. A raiz delas, normalmente, segundo os paisagistas, é bem fina e por isso, o solo para que elas se desenvolvam deve ser fofo.

Por isso, o substrato tem que ter um bom composto orgânico, que tenha sido feito com ferragem de madeira ou outros complementos, como por exemplo, mamona. Importante também que tenha a boa textura, mas também deem nutrientes para as plantas.

Outro exemplo do que vem sendo muito usado no substrato é a fibra de coco, pois dá ainda sustentabilidade para a mistura. Normalmente, são complementados com fibras de cerâmica.

5- Já sobre o adubo das folhagens deve ser feito com o produto dissolvido na água. O adubo pode ser encontrado em qualquer loja que venda plantas e materiais para cuidar delas.

Uma das características das folhagens é o fato de elas não darem nem frutos e nem flores, por isso, em relação ao adubo, duas vezes ao ano é mais do que o necessário. Neste caso, os paisagistas recomendam o uso de produtos para adubo naturais, um exemplo, o húmus de minhoca, além do produto. O conselho é usar o húmus a cada dois meses, 5 colheres em cada vaso.

6- A temperatura que a planta fica submetida também é muito importante para garanti o bom crescimento dela. No caso das folhagens, elas preferem ficar expostas entre 20 e 25 graus. Algumas, não suportam o vento, como é o caso da samambaia, que acabam ficando feias, quando expostas ao vento forte. Por isso, o ideal é que ela cresça em um ambiente fechado, por exemplo, na área de serviço e nunca na varanda, principalmente, se houver grande incidência de vento.

Uma regra geral para qualquer planta e que também serve para as folhagens é que elas devem ficar em ambientes que estejam mais próximo do que seria aquele natural, como por exemplo, samambaias, que crescem bem no meio da mata e por isso, não sofrem com o vento direto.

Como Cuidar de Folhagens: Outras Dicas

  • Lembre-se que os cuidados com as folhagens devem ser diferenciados daqueles dispensados a outras plantas. Elas são mais resistentes e por isso, podem ser usadas tanto dentro de casa, como fora dela. Porém, como qualquer planta, o mínimo da luz do sol, elas precisam receber.
  • Segundo os paisagistas, as folhagens são mais resistentes que as outras plantas em qualquer aspecto, sendo capazes de suportar o frio, o calor e até mesmo a estiagem.
  • As folhagens são muito usados em projetos paisagísticos quando se tem a ideia de baixa manutenção e se demonstram muito eficazes.
  • Elas se desenvolvem bem sob meia-sombra, mas podem suportar o sol forte, assim como ambientes com pouca luz, as mais fortes, podemos citar: rosas-de-pedra e agaves.
  • Normalmente, as folhagens são plantadad diretamente no solo, sem exigência de um preparo ou até mesmo enriquecimento da terra. Aliás, basta que a adubação seja feita uma única vez no ano e pronto, tudo resolvido. Lembrando que o adubo deve ser com matéria orgânica.
  • Se falarmos de um lugar ideal para plantar as folhagens, certamente o solo será arenoso e que tenha acima de tudo uma boa drenagem. Vale ressaltar que algumas folhagens se regeneram com grande facilidade. Para se ter uma ideia é possível recuperar uma planta cortando a parte ruim e no solo deixando a raiz, que volta a crescer saudável.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Dicas

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *