Como Fazer Arranjo De Ikebana

Falar de arranjos florais e não falar da Ikenana é praticamente impossível. Em outras postagens aqui do site, conversamos um pouco sobre como fazer arranjos de flores, como escolher a melhor flor para arranjos, entre outros assuntos do tipo. Como sempre citamos as ikebanas, nada melhor do que uma postagem inteira somente sobre essa técnica, não acha?

Mais abaixo você vai encontrar algumas dicas sobre como fazer seu arranjo de ikebana, como escolher a melhor flor e principalmente, qual a história que envolve essa arte.

Definição De Ikebana

Se você gosta de simbolismos, com certeza vai se encantar por um arranjo de ikebana. Esta é uma das técnicas mais antigas do mundo e sempre foi muito utilizada para ofertar flores em cerimônias ou ocasiões religiosas, decoração de altares, ou outro simbolismo do tipo. A técnica é japonesa e a expressão Ikebana significa “Flores Vivas”. Ela também é conhecida pela expressão “Kado”.

Para montar um arranjo de ikebana, você vai precisar de galhos, flores, folhas, frutos e algumas plantas secas. A forma como você vai montar esses arranjos é que tem um significado diferente.

História Da Ikebana

Tudo começou na Índia, quando um grupo de religiosos usavam decorações grandiosas em seus altares para Buda. Nesta época, todas as decorações com flores tinham que ser feitas manualmente para dar sentido a oferta. Segundo a cultura, que permanece até hoje inclusive, quando você coloca suas mãos para produzir um objeto, você também coloca parte de sua alma, suas energias.

O hábito de fazer arranjos saiu então da índia e chegou até a China. Neste mesmo período, a primeira Escola de Arte Floral, que tinha sua origem no Japão, enviou um estudioso chamado Omono Imoko para explorar a cultura e a tradição chinesa. Dessa forma, a técnica chegou até o Japão, onde foi aperfeiçoada e tornou-se conhecida ao redor do mundo.  Com isso os arranjos de ikebana deixaram de ser ofertados somente para Buda e passaram também a serem oferecidos para outras divindades e até para antepassados.

Nesta mesma época, oferecer diariamente um arranjo em ikebana para Buda ou outros deuses, passou a ser uma rotina da cultura japonesa.

Significado Da Oferenda De Arranjos De Ikebana

Como citamos no início do nosso texto, os arranjos de ikebana são compostos pelos caules, folhas, flores, ramos das plantas e cada parte desta possui um significado que representam o céu, a terra e a humanidade. No mundo inteiro, você vai encontrar diversos tipos de arranjos de ikebana, sendo cada um deles voltado para uma prática, uma religião ou simplesmente decorativo.

Aqui no Brasil existe uma associação da ikebana, que trata os arranjos com um contexto todo espiritual, onde você pode aprender a fazer arranjos mais direcionados ao que você deseja.

Tipos De Ikebana

Existe basicamente 4 tipos diferentes de arranjos de ikebana.

São Eles:

  • O Ikenobo: é o tipo mais antigo de ikebana. Podemos dizer que é o mais próximo dos arranjos que eram feitos na Índia, China e posteriormente no Japão. Esses arranjos são feitos totalmente com sua devoção voltada aos deuses. Eles são decorados com galhos.
  • Osogetsu: que ao contrário do Ikenobo é um dos estilos mais novos de ikebana. Ele ficou muito conhecido depois que a Rainha Elizabeth II e a Princesa Diana passaram a frequentar escolas para aprender esta técnica. Ele faz um balanço de todos os elementos do ikebana e harmoniza o ambiente
  • Ohara: é ikebana feito todo a partir de galhos e flores que são ordenados como uma pilha.
  • Sanguetsu: é o ikebana que representa o respeito pela natureza. Este é um estilo totalmente diferente dos anteriores, porque busca utilizar os materiais de forma que eles fiquem mais naturais possíveis.

Como Fazer Um Arranjo De Ikebana

Claro que cada um dos tipos de ikebana que citamos mais acima, vai exigir de você materiais diferentes, conceitos diferentes também e principalmente, técnicas diferentes. O tutorial que você vai encontrar mais abaixo, é de um arranjo de ikebana tradicional.

Para Fazer o Seu Arranjo, Você Vai Precisar Dos Seguintes Materiais:

  • 1 (uma) base de ferro com pregos. Essas bases podem ser compradas em casas de produtos orientais e são chamadas de Kenzan. Se você tiver um pouco de praticidade, ainda encontrará na internet, diversos vídeos e tutoriais ensinando fazer essa peça. O valor de mercado dessa peça varia entre 7 a 30 reais, dependendo do tamanho (número) que você vai escolher.
  • 1 recipiente que possa armazenar um pouco de água. Esse recipiente pode ser aqueles pratos orientais para plantas, pois ficam bem bonitos. Você também pode comprar essas peças em qualquer loja de produtos orientais. 
  • Duas variedades de plantas a sua escolha. Você vai utilizar as flores e as folhas então na hora de escolher pode ver o significado de cada uma delas para compor um arranjo armonizado.
  • Um pouco de musgo seco. Este material deve ser o suficiente para esconder o kensan e também reduzir a evaporação da água.
  • Tesoura de jardinagem ou podão.

Com todos os materiais em mãos, siga o passo a passo abaixo:

Passo 1: Coloque o kenzan no recipiente e acrescente água de forma que o seu kenzan fique totalmente coberto e a água atinja a base da folhagem.

Passo 2: Coloque o ramo maior, que vai representar o céu. Este ramo deve ficar com mais ou menos 15 graus de inclinação em relação à base do ikebana.

Passo 3: Agora prenda nos pregos do kensan esse ramo para que ele fique bem firmado. É importante lembrar que quando você prender o ramo, com certeza o seu arranjo vai desequilibrar, então você pode colocar um peso enquanto aplica o outro lado do arranjo.

Passo 4: Agora você vai colocar o arranjo que representa o homem. Este deve ficar inclinado a mais ou menos 45 graus da base.

Passo 5: O último ramo representa a Terra e deve ser colocado com 75 graus de inclinação.

Passo 6: Agora coloque as folhas decorativas na base do seu arranjo.

Passo 7: Finalize o seu arranjo colocando o musgo para cobrir toda a base.

Pronto! Agora você tem o seu arranjo de Ikebana prontinho e pode usar em qualquer ambiente de sua casa.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Arranjos

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • adorei o site, simples, limpo e com informações claras, parabéns a todos que fazem parte do mesmo

    jucieyla 28 de outubro de 2013 15:23 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *