Como Plantar Dália Anã

Diversas são as plantas e flores que nos chamam a atenção devido sua beleza e devido ao ambiente harmônico e tranquilo que geram. Uma delas é a Dahlia, que tem como nome comum dália. Essa planta é um género botânico pertencente à família Asteraceae. A Dalia anã é uma herbácea de porte médio e ela é perene, ou seja, ela permanece independente da estação do ano. A Dalia an76 tem a sua origem no país do México, onde ela é muito popular. No país os primeiros a plantarem essa flor foram os índios ainda no período Asteca e foi próximo ao final do século XVIII que o diretor do Jardim Botânico de Madrid conheceu essa planta e se encantou com essa linda flor, quando o diretor estava em uma visita ao país. Essa visita foi o que fez com que outras regiões do mundo viessem a conhecer a Dália. Essa flor atravessou o oceano e chegou a outro continente, na Europa, e lá essa planta se adaptou muito bem as condições de clima e temperatura do local.

Características da Dália Anã

As dálias são flores que podem atingir uma altura de 30 cm e pode chegar até 1,5 metros. Apresentam lindas flores que encantam a todos por serem singelas, apresentam de 5 a 25 cm de diâmetro, o que vai variar de acordo com o tipo. Os meses em que costumam florescer vai de março até final de Julho.

Essas plantas são de jardim e elas podem se desenvolver a partir de semente ou a partir de tubérculos. Então para se obter a planta pode-se comprar sementes, que geralmente são  vendidas em misturas de diferentes cores. Para quem deseja a obtenção de flores que tenham uma determinada cor deve-se comprar os tubérculos.

Algo muito interessante das dálias é que elas podem se desenvolver bem em qualquer tipo de solo, não precisando se preocupar com esse detalhe se caso ver e adorar essa plantinha e quiser coloca-la também em sua casa. Só deve se atentar para um quesito do solo: esse não pode ser muito ácido nem deve ser muito alcalino. O melhor solo para a planta crescer e desenvolver é naquele moderadamente argiloso e ligeiramente ácido (ideal solo com Ph entre o valor de 6,5 e 7). A Dali Anã por ser uma planta que precisa de muito alimento, é sabido que na estação do outono, deve realizar uma mistura no solo de uma boa quantidade de estrume, composto ou de alguma outra matéria orgânica, ou até mesmo de adubo, que poderá dar o que a planta necessita nessa época do ano.

Vamos Ver Como Deve Realizar o Plantio Da Dalia Anã

Diferente da Dalia de porte maior a Dalia anã não precisa de estaca. É necessário abrir um buraco de 15 cm para cada uma das plantas e na terra deve espetar uma cana de 1,5 m. Essa cana é colocada, geralmente até à profundidade de aproximadamente 30 cm.

Apesar de poder ser plantada em variedade de solos ela deve ser protegida de ventos, pois seus verifica que seus ramos são delicados e sensíveis e quebram-se facilmente devido ao peso das flores. O Clima ideal são aqueles tropicais e subtropicais, climas esses com temperaturas na faixa de 13 ºC a 25 ºC. Ela não tolera geadas.

O plantio pode ser feito utilizando sementes diretamente no solo ou em sementeiras, e posteriormente a planta pode ser transplantadas para o local definitivo. Ainda há as opções por raízes tuberosas e por estacas de ramos semi lenhosos.

Quando utilizar sementes,a mudança para o local definitivo deve ser feito quando a planta atingir no máximo 0,5 centímetro de profundidade ou em sementeiras, de onde as mudas devem ser transplantadas a partir de 8 centímetros de altura. Deve ser acompanhado seu crescimento, onde a germinação levará de uma a três semanas.

Na preparação do solo deve se realizar uma preparação, ou seja, uma mistura para plantar. Essa mistura deve ser composta por um balde de turfa para 4 colheres de sopa de adubo orgânico rico em azoto, como o guano. O buraco que foi aberto deve ser preenchido pela metade com a mistura e depois colocar o tubérculo sobre essa base. Algo importante de se fazer é fazer com que o seu colo fique cerca de 5 cm abaixo da superfície do solo. Para as pessoas que desejam plantar em vasos o procedimento é exatamente o mesmo como descrito acima. Depois de plantar deve regar e regar novamente após dois dias, se caso verificar que o tempo está seco.

Algumas pessoas tem dúvida quanto à preparação do solo. Questionam como essa deve ocorrer e qual o local mais adequado para se plantar, se em sombra ou ao sol. Sabe-se que as dálias precisam de luz abundante e que devem ficar em um canteiro e local próprio. O solo deve ser sempre irrigado, mas não encharcado, sendo esse o ideal. Em casos em que o solo é compacto, é recomendável que se junte um pouco de areia naquela terra. Como na maioria dos plantios deve ser preparado o solo utilizando estrume. Se ocorre o plantio durante o Outono poderá observar as plantar na Primavera seguinte.

Quais Os Tubérculos Que Com Certeza Darão Flor?

Se você quer ser certeiro na sua compre, peça os tubérculos, o ideal é pegar os maiores que conseguir, pois ao se tratar das Dálias, são os tubérculos maiores que mais provavelmente produzirão as flores. É interessante observar seus aspectos gerais e verificar se essas são saudáveis, deixando de lado aquelas que tiverem cortes, ou mesmo pontos moles, ou ainda que apresentarem alguns sinais de apodrecimento ou zonas secas ou manchas poeirentas.

Quando vai se verificar o crescimento das novas dálias não é possível ver que essas nascem das raízes com tubérculos, deve verificar se um ou mais tubérculos estão ligados ao caule antigo. Uma dica valida é introduzir canas no local onde você pretende plantar as dálias. Quando for plantar as canas essas devem ser mais curtas do que a altura aproximada que a Dália terá ao final de seu crescimento. E assim deve se proceder como já foi dito anteriormente, onde você irá abrir um local com buraco de 15 cm de profundidade em frente da estaca, de tal modo que o botãozinho de Dália será colocado na base do à estaca.

A Dália Anã é uma planta que compensa o esforço e o tempo que se dispende para realizar o seu plantio devido a beleza e o capricho que exibe em seus contornos e cores. São diversos os formatos e cores que verificamos na natureza das dálias, sendo essa flor uma excelente representante da beleza da natureza. Essa variedade de cores e formatos favorece muito a venda dessa linda flor e ainda permite ao produtor que se dedica ao cultivo dessa espécie de flor que lucre com essa atividade maravilhosa.

Como se pode ver na descrição de seu plantio, que foi feito acima, a dália é de fácil manuseio e ela se desenvolve com muita rapidez no solo e ainda tem vida longa, facilitando o trabalho de quem a comercializa. A maioria das pessoas que cultivam essa for recomendam que ela seja plantada em jardins, mas, como falado anteriormente pode ser plantada também em vasos. Apesar de perdurar em várias estações o seu florescer ocorre durante a estação da primavera e verão, embelezando ainda mais essas estações.

Quais As Cores Mais Encontradas?

A dália possui uma variedade de cores e formatos. Ao se tratar das cores que mais são encontradas verificamos que existe as flores na cor branca, vermelha, alaranjada, rosa, amarela, roxa, mesclada. Ao se tratar de suas diferentes formas verificamos que há aquelas com capítulo floral tipo pompom, bola, cacto, colarete, anêmona, dentre vários outros. Essa diversidade é dada graças as modificações genéticas que foram realizadas ao longo dos anos.

É impossível não notar a presença destacada dessas flores e o efeito que causam no paisagístico onde são plantadas. É uma riqueza de cores e tons que faz a planta ser muito apreciada e é escolha certa para ser colocada em jardins de residências, chácaras, praças e parques. São colocadas em vasos ou em corte compondo arranjos florais, a dália é também flor para decorar ambientes internos. É nítido como essas flores encantam e embelezam e perfumam os diversos cômodos de casas, escritórios e outros estabelecimentos privados e públicos.

Qual O Valor da Dália Para Se Comprar?

Se você busca por sementes para realizar o plantio é possível encontrar em sachês com preços de R$ 2 a R$ 7 e raiz tuberosa entre R$ 15 e R$ 20, em pacote com 2 a 3 unidades. Pode verificar os sachês para compra em lojas; a raiz tuberosa é mais difícil de ser encontrada, mas pode ser vista para venda em hipermercados e lojas especializadas; mudas prontas são vendidas em viveiros de plantas ornamentais.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Naturais

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *