Flor Dália Branca: Significado

A flor dália tem o nome científico Dahlia sp. e, na verdade, é um gênero de plantas que se enquadra dentro da família botânica que se chama Asteraceae. No entanto, independentemente da espécie, as dálias são popularmente chamadas pura e simplesmente de dálias, apenas. A planta que produz essa flor tem um porte médio e do tipo perene, que também pode ser chamada de vivaz e que significa que os seus órgãos aéreos não são anuais, como ocorre com as plantas não perenes.

A planta que origina a flor dália tem origem no México e, inclusive, a dália é uma das flores mais populares nesse país. De acordo com a história da população mexicana, os índios foram as pessoas que desde os primórdios da civilização, ainda na época do império Asteca, começaram a realizar a prática de cultivo das dálias. Ao serem colonizados pelos europeus, essa flor foi disseminada pela Europa, a partir da paixão que um diretor de um Jardim Botânico da cidade de Madrid desenvolveu pela planta, após tê-la visto em uma das vezes em que fora visitar o México. Apesar da divergência do clima entre o México e a Europa, a dália soube se adaptar de maneira satisfatória ao clima temperado e, da mesma maneira que ocorre no clima tropical, quando adulta, essa planta consegue atingir até um metro e meio de altura.

No entanto, nessa época, as dálias ainda não tinham esse nome e foi um botânico sueco que se chamava Anders Dahl que deu o nome a essa planta. Esse homem também foi que fez com que as dálias se espalhassem para o Norte da Europa, além de fazer com que os franceses e os holandeses começassem a incentivar o cultivo dessa planta, em suas diversas espécies que eram encontradas na época, inclusive com a formação de espécies híbridas de dálias.

Quando parte do Brasil abrigou imigrantes holandeses, essa planta se espalhou por aqui também e, atualmente, ela representa uma gama de dálias, com cerca de três mil tipos diferentes, que variam dentre as que se apresentam de maneira natural e dentre as que são híbridas. Sendo assim, as dálias podem ser encontradas de diversas cores, formas, tamanhos e inclusive de maneira de adaptação a diversos tipos de clima, de presença ou não de umidade, dentre outras características de cultivo de uma planta como qualquer outro tipo.

A reprodução das dálias se dá a partir do cultivo de seus tubérculos, que algumas vezes também podem ser chamados, de maneira informal, de bulbos. Esses tubérculos nada mais são do que caules modificados em forma de raiz, por estarem estruturalmente na porção subterrânea que compreende o todo da planta. Algumas peculiaridades com relação a quantidade de amido presente em cada tubérculo e também com relação a algumas outras coisas em cada tipo de dália vai variar de acordo com sua espécie.

Há cerca de quarenta espécies de dálias que são aceitas cientificamente. Apesar disso, todas as dálias são bastante admiradas por sua beleza, mesmo tendo várias variações entre uma e outra, tanto na forma quanto no tamanho e nas cores. Outra característica marcante das dálias é o fato de elas florescerem por longos períodos, chegando a superar a grande maioria das flores em um jardim, chegando a ser reconhecida em alguns lugares, inclusive do mundo, como “A Rainha do Jardim de Outono”. Ademais, ela é a flor escolhida para servir de emblema oficial de alguns países ou cidades, como a cidade de São Francisco, nos Estados Unidos da América e o México, por exemplo.

No Japão, a dália é um sinal de bom gosto e é muito bem recebida quando é dada de presente a alguém, independente da cor da dália. Em muitos países essa flor também é considerada como um dos símbolos que representam a união, o comprometimento entre duas pessoas, além de também poder representar a esperança, quando oferecida a alguém em situações delicadas, por exemplo.

Outra característica cultural que as dálias representam é o fato de elas serem dadas à mulher quando há a comemoração de quatorze anos de casamento. Essa tradição não tem uma origem muito certa, mas ainda é praticada por algumas pessoas que a conhecem. Nesse caso, as flores dália que são oferecidas geralmente são na cor branca, o que demonstra um voto de boa sorte e de permanência da paz e da felicidade ao casal que está fazendo aniversário de casamento.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Naturais

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *